Image
Cláudio Torres

 

Prémios e Distinções

 

Cláudio Torres recebeu diversas distinções e prémios, tanto nacionais como internacionais.

Entre outros, recebeu em 1991 o Prémio Pessoa, o mais importante prémio nacional, atribuído a personalidades que se destacam na vida artística, cultural ou científica.

Image
Cláudio Torres a receber o prémio
Cláudio Torres a ser distinguido com o Prémio Pessoa 1991

Foi-lhe atribuída pelo Presidente da República Portuguesa em 1993 a Grã Cruz da Ordem do Infante D. Henrique; em 2001 foi-lhe atribuído o Doutoramento Honoris Causa pela Universidade de Évora; em 2015 recebeu como Director Campo Arqueológico de Mértola (CAM) o Prémio das Academias Pontifícias do Vaticano atribuído pelo Papa Francisco; em 2018 foi-lhe atribuída a Medalha de Mérito Científico pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia; também como Director do CAM recebeu em 2019 o Prémio Sísifo a la Investigación, Defensa y Difusión del Património Arqueológico da Área de Arqueologia da Universidade de Córdova; em 2020 foi distinguido com a Medalha de Mérito Cultural atribuída pelo Governo Português; em 2021 recebeu o Prémio Memória e Identidade, atribuído pela Associação Portuguesa dos Municípios com Centro Histórico.

Image
Honoris causa
Cláudio Torres no Honoris Causa atribuído pela Universidade de Évora
Image
Roma
Cláudio Torres a discursar no Vaticano após receber a distinção atribuída pelo Papa Francisco
Image
Prémio
Distinção de Cláudio Torres com o Prémio Nacional “Memória e Identidade”
da Associação Portuguesa dos Municípios com Centro Histórico

Em Novembro de 2022, foi homenageado pelo ICOM Portugal, tendo a Câmara Municipal de Mértola aprovado um novo nome para os seus 14 núcleos museológicos: Museu de Mértola Cláudio Torres.

Image
Prémio ICOM
Homenagem do ICOM a Cláudio Torres e atribuição por parte da Câmara Municipal de Mértola de uma novo nome para os seus 14 núcleos museológicos “Museu de Mértola Cláudio Torres